Parceiros
Parceiros [00/36]
Elite [00/06]
Gráficos [00/12]

[RP Fechada] Sweet ladies

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[RP Fechada] Sweet ladies

Mensagem por Lyessa Stark em Sex Jul 29, 2016 9:55 pm


O INVERNO ESTÁ CHEGANDO

Sweet ladies
Descrição da RP:  A RP irá começar com o post de Lyessa Stark. Esta é uma RP FECHADA, conta apenas com a participação de @Lyessa Stark e @Aisha Karstark. Estamos em Winterfell, no quarto da jovem Rainha do Norte. Depois de um pequeno acidente, a jovem Lady Stark acabou tendo seu pé quebrado e ainda estava de repouso, uma vez que se locomover não era algo tão fácil. O tempo está frio e é meio da manhã, apenas as duas jovens Ladys encontram-se no quarto.


Lady Stark
.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada] Sweet ladies

Mensagem por Lyessa Stark em Dom Jul 31, 2016 11:58 am


Love of my life
Can you still see the heart of me?



Ainda que a manhã estivesse fria, dentro do quarto do jovem casal real a temperatura era aconchegante, fosse pelas pesadas mantas que usavam para se cobrir ou pelo calor que ainda emanava da lareira. Lyessa teria continuado adormecida, porém o toque cálido dos lábios de Brandon em sua testa veio desperta-la. Seus olhos abriram-se hesitantes, a luminosidade incomodava seus olhos cianos, mas mesmo assim, insistiu em mantê-lo abertos, pelo menos um pouco: — Não queria acorda-la, mas não pude resistir em beija-la durante o sono. — A voz do Rei ecoou sussurrada e pausada, porém fazendo as bochechas da jovem corarem de súbito. Antes que pudesse exprimir qualquer resposta, ele selou seus lábios em um terno beijo, um encontro gentil de seus lábios, roubando-lhe qualquer palavra: — Descanse um pouco mais, ainda precisa de repouso. E por favor, cumpra as recomendações do mestreis. Prometo que não vou demorar, voltarei para cuidar de ti. — A morena mordiscou o lábio inferior e assentiu de forma positiva: — Como Vossa Graça desejar. — Respondeu fazendo-o sorrir. Ele a beijou novamente na testa e virou-se tomando a direção da porta.

Quando finalmente a porá se fechou a morena se afundou entre as pesadas cobertas, praticamente se escondendo, respirou fundo procurando encher de ar seus pulmões. Sentia o pesado aroma do quarto, o cheiro amadeirado que tomava conta do lugar. Já fazia uma semana que estava trancada em seu quarto, não como uma forma de punição, mas sim por cuidados. Depois de sua peripécia em passear sozinha, acabou machucando severamente o pé, agora o repouso se fazia necessário para que se recuperasse em totalidade. Brandon, diante da situação se quer ralhou com ela, todo esse tempo sua única preocupação era com seu bem-estar, ignorando totalmente suas atitudes inconsequentes. Soltou todo o ar de uma só vez, revirando os olhos e suspirando de uma forma um tanto enfadonha, o mínimo que poderia fazer em agradecimento pela bondade de seu lorde, era atender seu pedido e ficar quieta naquela cama.

Não tardou para que escutasse a porta se abrir novamente, o ranger chamou a atenção de Lyessa que encarava o teto de forma displicente.  Logo ela viu a figura da jovem mulher de cabelos negros adentrar pela porta, portando em suas mãos uma bandeja com seu desjejum, não sentia vontade de comer, mas precisava. A mulher colocou a bandeja sobre uma pequena mesa que também servia de escrivaninha para Bran, rapidamente foi ao auxílio da jovem Lady que tentava sentar-se sozinha na cama: — Não deve se esforçar assim Vossa Graça. — Disse gentilmente a serva, amparando a morena: — Apenas quebrei o pé. Não é nada de tão grave assim. — Respondeu um tanto ranzinza, não pela atitude da mulher, mas sim, por estar sendo tão mimada por todos desde o ocorrido: — Mas obrigada pelo cuidado. — Respondeu de forma mais gentil a serva que sorriu em agradecimento. Antes que a mulher trouxesse a bandeja até a cama, a porta se abriu novamente, Lyessa virou-se a tempo de ver a pelagem cinza pular sobre a sua cama: — Nevasca! — Ralhou com o lobo de forma carinhosa enquanto o mesmo lambia suas bochechas. As mãos delicadas e pequenas da jovem lady deslizaram pela pelagem macia e quente acariciando o lobo: — Pronto para o tedioso dever de me vigiar durante todo o dia, meu querido? — Disse em um tom brincalhão, observando o lobo cinzento aninhar-se ao seu lado na cama.

A serva aguardou até que o desjejum fosse terminado, a lady Stark generosamente dividiu alguns pedaços de pão com o lobo que ocupava boa parte da cama do casal. Quando Brandon não estava ali ao seu lado, era Nevasca quem permanecia como sentinela da jovem Lady. Não se importava, até mesmo gostava, adorava o animal de seu marido, em um dos poucos contatos que tivera com Brandon em Praça de Torrhen, havia sido por causa de Nevasca. Nem mesmo nos anos que ele viveu entre os Tallhart o lobo fora deixando para trás e como se já soubesse do futuro, o lobo sempre soube apreciar o carinho de Lyessa. Por um instante lembrou-se dos altos muros de mais de trinta pés de altura, as torres quadradas estrategicamente erguidas, os pátios largos de Praça de Torrhen, a saudade de casa veio lhe apertar o peito. Gostava de Winterfell, mas sentia falta de seu pai, sua mãe seus irmãos, ainda que Darlessa tenha se apartados deles fazia algum tempo. Se perguntava como a irmã mais velha suportava ficar longe de casa. Nevasca logo começou a lamber as mãos da Rainha, como se conseguisse perceber sua tristeza, o sorriso ainda que fraco tomou seus lábios: — Não é nada meu amigo. Não é nada. — Ela acariciou o topo da cabeça do lobo, suas mãos eram pequeninas perto da gigante cabeça do lobo, mas o tamanho do animal nunca havia a assustado.

Três suaves batidas na porta roubaram a atenção de Nevasca que rosnou enciumado, Lyessa olhou na direção da porta que se abria cuidadosamente e uma das servas mais jovens do castelo abria a porta um pouco hesitante pela presença do animal: — A senhorita tem visita. Lady Karstark está aqui para vê-la, milady. — Anunciou a serva. Aisha era a irmã mais nova de seu marido, mas um ano mais velha do que ela. Havia se casado pouco antes dela, com o Lorde Karstark e pouco conviveram em Winterfell, mas ela sempre se mostrou amiga e pronta a ajudá-la. A lady de Winterfell deslizou a mão pelas madeixas negras arrumando-as e sorriu: — Peça a ela que entre, por favor. — Pediu gentilmente, enquanto se ajeitava na cama, dando espaço para que a cunhada se sentasse próximo a ela. Era a primeira visita que recebia e isso a deixava animada, ainda que todos esses dias tivera a companhia do lobo e isso a deixava mais alegre, porém sabia que era dever de Nevasca acompanhar Brandon e não ficar com ela. Lyessa puxou o grande animal para cima de seu colo e arrastou o corpo com um pouco de dificuldade, mas sua aparência já estava bem melhor com o anuncio da visita.



with: @Aisha Karstark in: Winterfell
All my agony fades away When  you hold me in your embrace




Lady Stark
.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada] Sweet ladies

Mensagem por Aisha Karstark em Seg Ago 01, 2016 1:27 pm

Aisha Karstark
Entre lobos ..
with ...Lyessa
Winterfell
...
Entre Cunhadas
A vida em Karhold não era tão ruim quanto eu tinha imaginado quando me casei com lorde Eragon Karstark, inicialmente não tinha sido uma ótima esposa, pois me recusava a ver um homem que tinha idade de ser meu pai como marido, mas com o tempo tinha aprendido a ama-lo. E sinceramente falando, hoje não conseguia viver sem ele. Naquela manhã eu estava na cozinha da fortaleza conversando com as servas sobre o famoso café da manhã em Winterfell, quando minha loba lady White entrou no cômodo assustando-as um pouco. - Calma senhoras... Ela e mansa. Esbocei um sorriso para as mulheres presentes, abaixando-me sobre os joelhos e afagando o pelo branco e felpudo do grande animal. Lady White poderia ser considerada minha única amiga desde pequena, ela tinha sido trazida para mim por meu pai no dia de meu décimo primeiro aniversário, e eu não me lembro de ter tido um dia mais feliz em minha vida fora aquele, exceto talvez o dia que eu e lorde Karstark resolvemos nossas diferenças, porém para mim esses momentos eram visto como importantes, entretanto diferentes.

Como era rotina em todas as manhãs eu saia para passear com minha loba pelo pátio da fortaleza, não ousava ir fora das muralhas do castelo por causa de Eragon que achava muito perigoso. Mas isso não me empatava de fazer lady White divertir-se um pouco, por isso corria com ela pelos corredores, quando de repente esbarrei contra alguém que acabava de sair de um dos salões, caindo sentada sobre o chão. - Oh, desculpe. Disse tentando me levantar. - Tudo bem minha querida, só precisa ter uma pouco mais de cuidado quando estiver correndo por ai. Sua voz levemente rouca instantaneamente despertou meus sentidos, era ele, meu marido, sempre bem vestido e com seu usual sorriso prostrado nos lábios. Ele tinha acabado de chegar após uma semana viajando para Porto Branco. - Você chegou... Eu senti sua falta. Sussurrei encarando seus brilhantes olhos, sendo posta de pé e puxada por ele contra seu corpo. - Eu também senti a sua. Ele disse antes de me beijar.

[....]

Momentos mais tarde minha cabeça estava apoiada contra seu peito ofegante e suado, estávamos deitados sobre nossa cama, completamente nus e cobertos somente pelas grossas camadas de tecidos de nossos lençóis. Tínhamos acabado de fazer amor e fora exatamente perfeito, porém eu ainda estava tentando recuperar meu fôlego. - Sabe... Estou começando a me acostumar a isso. Corei um pouco sem graça, plantando um beijo sobre seu peito. - Fica mais fácil depois de algum tempo. Ele sorriu e eu me inclinei para encara-lo. - Sim fica... Assenti fechando os olhos, sentindo seus dedos correrem suavemente por minhas costas...

[...]

Mais tarde naquele mesmo dia tivemos uma longa discussão, pois eu desejava ir a Winterfell e ele não queria permitir - Eragon eu preciso sair e ir visitar minha família. Cruzei os braços e lancei um olhar furioso em sua direção. - Sim você precisa, mas não hoje... Deuses! Eu acabei de chegar. Rebateu ele completamente impaciente. - E o que tem isso? Eu quero ir visitar minha família! Retruquei empinando o nariz em um típico gesto de desafio enquanto mantinha uma mão afagando o pelo de lady White, que por sua vez rosnava para Eragon. - Não hoje! E mantenha essa criatura tranquila... Ou eu a trancarei nos calabouços. Seu tom de voz saiu mais ríspido que o normal. - Tente e eu a faço arrancar sua cabeça, e eu vou visitar minha família em Winterfell quer você queira ou não... Dei-lhe as costas e fui para meus aposentos, antes o escutando suspirar frustrado, mas também derrotado.

Eragon tinha cedido e agora eu seguia para Winterfell acompanhada de uma pequena guarnição, contudo não tinha conseguido ir cavalgando como desejava, e sim de carruagem. - Aquele idiota! Bufei exasperada, observando lady White que corria atrás da carruagem, tinha me arrumado bem para visitar minha família, meu cabelo estava preso em uma característica trança com alguns fios escapando a frente e caindo sobre minha testa, e minhas vestes consistiam em um espatilho branco bem apertado com um vestido da mesma coloração adornado com detalhes pretos, também usava um par de sapatilhas brancas. Sobre minhas costas caia uma capa negra com uma pelugem branca que encobria meus ombros, afinal estar bem agasalhada no norte sempre era visto como uma boa precaução. No momento que chegamos a Winterfell, eu fui recebida pelo meistre e pela minha ama de leite que ainda vivia no local, ambos me cumprimentaram com calorosos abraços e me informaram sobre o que tinha acontecido com minha cunhada, a rainha Lyessa.

Nos aposentos da rainha, caminhei em sua direção com um grande e singelo sorriso. - Majestade, fiquei sabendo o que houve. Parei próxima da cama onde ela estava acomodada, Lyessa era cerca de um ano mais jovem do que eu e era casada com meu irmão Brandon, o que nós tornava quase irmãs. - A senhora está bem? Perguntei arqueando uma sobrancelha, quando observei que o lobo de Brandon também estava no local, não demorando muito para que lady White também invadisse o quarto e junto com seu irmão fizesse a maior bagunça. - Lady! Chamei a loba gigante para o meu lado, sorrindo para a rainha em seguida. - Bom, parece que eles estão com muitas saudades um do outro. Pousei a mão sobre a cabeça do animal, afagando seu pelo com a ponta dos dedos.

Foguinho
O Inverno está chegando."
thanks maay



Aisha Karstark

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada] Sweet ladies

Mensagem por Lyessa Stark em Ter Ago 02, 2016 7:36 pm


Love of my life
Can you still see the heart of me?



Quando Aisha entrou no quarto, a rainha sorriu largamente, não por uma mera regra de etiqueta ou para agradar a jovem, a presença dela lhe fazia bem, mais do que isso, ela era irmã de seu marido e isso as tornava mais do que parentes. O grande lobo cinzento ficou inquieto em seu colo, como se farejasse algo e parecia estar em alerta, a mão de Lyessa afagou o animal um pouco mais que ainda continuava da mesma maneira, chamando até mesmo a atenção da jovem morena. Não podia dizer, que ela e sua cunhada eram boas amigas toda a vida, na verdade, antes de seu matrimonio havia conversando bem poucas vezes com a filha do antigo Rei do Norte. Quando se mudou para Winterfell para casar-se, Aisha já havia se casado e não estava mais lá. Lyessa sempre fora acostumada a irmã do meio e seus dias em sua nova casa eram solitários, por mais que sempre estivesse rodeada de pessoas e sempre com seu marido ao redor preocupado com seu bem-estar. Ainda não sabia o motivo da visita da jovem Lady, mas esperava que não fosse um pedido de Brandon, ela como senhora de um castelo tinha muitos afazeres e ela muito bem sabia disso, não queria importuna-la com aquele pequeno acidente.

Antes que pudesse saudar a cunhada, a loba de pelagem branca invadiu o quarto indo em direção a cama, mas antes que subisse, Nevasca desceu ao chão indo de encontro a irmã: — Parece que sentiram muito a falta um do outro nesse meio tempo. — Comentou despojada, rindo da brincadeira dos lobos, que logo fora interrompida pela Stark: — Aisha, bem-vinda! Desculpe-me por recebe-la assim. — Não desejava receber a irmã de seu marido na cama e enferma, ainda que para ela não fosse algo tão grave. Por ela estaria de pé, usando algo para auxilia-la sustentar o corpo para que pudesse se locomover, porém sabia que se fizesse isso, Brandon morreria de preocupação e já havia causado muitos problemas ao Rei. Cordialmente sorriu para a ruiva e fez um gesto com a mão para que ela se sentasse na cama ao seu lado: — E por favor, chame-me apenas de Lyessa. Somos da mesma família agora, não vejo necessidade para tantos protocolos. Não é verdade? — Pediu com gentileza para a mais velha. Depois que se casou, a família do marido havia se tornado a sua, por mais que achasse isso estranho. Mas os Stark faziam de tudo para que ela se sentisse bem, agradecia aos antigos por ter sido agraciada com pessoas tão boas em sua vida e a prova disso era a preocupação nas palavras da Lady a sua frente.

Seu olhar rapidamente dirigiu-se a porta e notou que uma das servas do castelo permanecia ali, no intuito de auxilia-las caso algo fosse necessário, Lyessa sorriu carismática na direção da mulher que logo se aproximou: — Por favor, traga um bom chá para mim e para a minha cunhada. Peça as servas que façam o favorito dela. — Pediu de forma gentil e cortês. A serva era uma mulher de meia idade, um pouco mais robusta e de cabelos bem negros como uma boa nortenha, as mãos dela deslizaram pelas vestes simples, enquanto fazia uma pequena reverência a rainha, em seguida deixou o quarto fechando a porta e deixando as duas Stark a sós: — Eu estou bem, seu irmão que se preocupa em demasia com minha saúde. Apenas quebrei o pé e o frio severo me deixou levemente resfriada. Mas nada que derrube uma mulher nortenha. — Sorriu enquanto encarava os olhos de Aisha que tinha um leve sorriso nos lábios. A esta altura a ruiva já havia se sentado na cama ao lado de Lyessa, a morena observava atenta a aparência da outra e não podia deixar de notar o quanto ela era bela. Aisha tinha jeito de mulher, mesmo que a diferença de idade: — Foi um pequeno acidente apenas, por imprudência minha, mas foi o suficiente para deixar Vossa Graça inquieto com a minha segurança. Ele é muito preocupado. — Comentou desviando o olhar alguns instantes para o lobo cinzento.

As mãos de Lyessa deslizaram pela manta escura e levou as mesmas a lateral de seu corpo, ajeitando-se na cama e puxando o pé machucado com um pouco mais de cuidado. Novamente observava a cunhada com admiração, ela parecia muito mais senhora de si do que ela, quem sabe um dia seria como ela. Vez ou outra, seu olhar ia na direção dos dois lobos que insistiam em brincar como crianças arrancando-lhe alguns sorrisos: — E como vai seu marido? Ele veio a acompanhando até Winterfell? Creio que seu irmão ficará muito feliz em tê-los conosco. — Afirmou a rainha cordialmente, mas também de forma afetuosa, transparecendo a satisfação que tinha em receber a família de seu esposo. Novamente aquela sensação de descontentamento bateu forte contra o peito da jovem, não queria estar presa a uma cama, gostaria de leva-la para passear, mas infelizmente não poderia fazer muita coisa tendo em vista seu estado.



with: @Aisha Karstark in: Winterfell
All my agony fades away When  you hold me in your embrace




Lady Stark
.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada] Sweet ladies

Mensagem por Aisha Karstark em Seg Ago 15, 2016 8:06 pm

Aisha Karstark
Entre lobos ..
with ...Lyessa
Winterfell
...
Entre Cunhadas
Olhei carinhosamente para minha cunhada cuja capacidade física estava prejudicava em cima daquela cama com o pé quebrado e esbocei um pequeno, porém acolhedor sorriso. Nós não tínhamos tanta intimidade, pois quando Lyessa chegou a Winterfell casada com Brandon, eu mesma não estava mais no local por ter me casado com lorde Karstark, entretanto conhecia muito bem sua família e sabia o quanto eles eram fiéis vassalos da casa Stark. Na época de seu casamento com Brandon, eu lembro de ter me recusado a ir, por conta da fúria que sentia por meu irmão ter me obrigado a casar com Eragon. Mas o tempo tinha mudado minha postura e eu ainda não havia deixado o peso em minha consciência de lado por não ter comparecido a aquela ocasião, contudo agora mesmo um pouco longe de Winterfell estava tentando mudar as coisas e voltar a ser a irmã que era antes para Brandon, assim como uma nova para minha cunhada, ou melhor, já a considerava como uma de minhas irmãs. - Claro Lyessa. Dei-lhe um sorriso assentindo sobre esquecer os protocolos formais, observando em seguida enquanto lady White e Nevasca continuavam a rolar pelo chão do quarto.- Brandon sempre foi muito protetor, imagino que essa super proteção com você deve ser dobrada. Escutei atentamente ela falar o quanto sentia por não saímos para passear pelo castelo por causa de seu pé quebrado, tratando de dissipar um pouco aquele seu pequeno aborrecimento. - Fique tranquila, coisas assim acontecem, além disso, podemos fazer um passeio na próxima vez. Quando você estiver melhor, claro. Logo os lobos saíram do quarto em disparada pelos corredores arrancando pequenos gritos de quem encontravam pelo caminho, escutando esses mesmos gritos eu esbocei uma pequena gargalhada.

- Eragon infelizmente não veio... Suspirei lembrando de nossa pequena discussão antes de vir para Winterfell, Eragon e seu jeito controlador e protetor que mesmo após algum tempo de casados, eu ainda tinha que me acostumar a isso. - Ele tinha acabado de chegar de Porto Branco, por isso teve de ficar em Karhold resolvendo alguns problemas. Nada demais. Escovei meus dedos timidamente sobre minhas madeixas ruivas e as joguei por cima do ombro, sentando-me na ponta da cama. - Mas ele está bem, graças aos deuses. De fato Eragon estava bem, sem nenhum problema grave e ainda tinha uma saúde de ferro, não me lembro de tê-lo visto incapacitado de saúde em nenhum momento desde que nos casamos. Apesar de seu temperamento ser constantemente considerado por mim como uma doença irritante. - E Brandon como está? Olhei para ela na expectativa de que me contasse como meu irmão estava no mesmo momento me sentindo estranha por não ter uma proximidade tão grande com a rainha do norte. - Sabe Lyessa, estou me sentindo um pouco estranha por não conhece-la bem, na realidade deveríamos ser grandes amigas ou algo do tipo. Espero que isso possa acontecer em algum momento futuro. Um sorriso apertado surgiu em meus lábios. - Também me sinto mal por não ter comparecido a seu casamento, mas eu estava tão furiosa com Brandon na época... Perdoe-me por isso. Fechei os olhos com a lembrança da discussão com meu irmão, como eu tinha o ofendido e dito que jamais me curvaria para um rei imaturo como ele, claro que tudo aquilo não passou de birra juvenil. Meu irmão tinha se mostrado um rei tão bom, ou melhor, que nosso pai. - Também gostaria de saber se vocês tem tido notícias de Robb? Desde que ele se juntou a Patrulha da Noite, nunca mais tive notícias dele... Faz tanto tempo que não vejo meu irmão mais velho. Pousei as mãos sobre meu colo como uma perfeita dama.

As servas que Lyessa tinha enviado para nos preparar um pouco de chá havia retornado, elas traziam chá e bolo. - Obrigada. Disse para a mulher com um sorriso, recebendo a xícara com o chá de menta e uma fatia de bolo de limão, meus preferidos como a rainha tinha solicitado a sua serva. - Sabe Lyessa, eu me identifico muito com você. Casamos tão jovens... Retornei minha atenção para a jovem de madeixas negras e olhos marcantes, bebericando um pouco do chá.

Foguinho
O Inverno está chegando."
thanks maay



Aisha Karstark

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada] Sweet ladies

Mensagem por Lyessa Stark em Dom Nov 27, 2016 8:30 pm


Love of my life
Can you still see the heart of me?



Era interessante ver como Aisha era parecida e ao mesmo tão diferente de Brandon, fisicamente e também a forma como se portavam. As longas madeixas ruivas da jovem pareciam brasas e o olhos eram belos e reluzentes. A beleza dela era ímpar e deixava a jovem rainha admirada, com ela, além de sua postura. Lyessa sabia que ainda conservava muito da personalidade juvenil, mas Aisha, já parecia uma daqueles Ladys, seguras de si e que sabiam se impor. Escutou atentamente cada palavra dita por ela a respeito do marido, já estava aprendendo a se acostumar com as ausências de Brandon quando necessárias, ainda que não gostasse, odiava ficar sozinha em Winterfell, sem contar que acabava por ceder a saudade e passava a contar as horas até que ele retornasse, uma espera que sempre a deixava extremamente ansiosa. A morena ajeitou-se na cama dando mais espaço para que a cunhada se aproximasse e assim poderiam ter uma conversa mais agradável: — Uma pena que ele não tenha vindo. Vossa Graça ia gostar de conversar com ele. — Comentou a rainha se ajeitando na cama. Aquela posição por muito tempo a incomodava e ainda não tinha permissão para ficar de pé sozinha, o que a deixava inquieta em cima daquela cama.

Quando a pergunta dela veio, no começo não sabia como responder, ainda que soubesse de tudo o que acontecia com Brandon. Mas por mais que tentasse, que quisesse, ainda o tratava, mais como Rei do que como marido, ela abaixou o olhar timidamente e observou a colcha que cobria suas pernas: — Vossa Graça está bem, muito bem com a graça dos Deuses. Ganhou um resfriado por falta de cuidado, mas nada grave e já está bem. — Ela fez uma pequena pausa e sorriu para a ruiva: — Vossa Graça é um homem muito bom, se preocupa mais com os outros do que com ele mesmo. Eu cuido dele da maneira que posso. — Explicou a rainha enquanto olhava pela janela. Um breve silêncio se fez no quarto e novamente a doce voz da jovem lady tomou o quarto. O que ela dizia era certo, haviam se falado pouco, sabiam poucas coisas uma da outra, mas havia algo que as unia, pertenciam à mesma família e sim, Aisha deveria ser como uma irmã para ela. Lyessa partilhava o mesmo sentimento e sorriu de forma acanhada com as palavras dela: — Aisha... — Disse tomando a mão alva de sua cunhada entre as suas: — Não se culpe por isso. De fato, sentimos a sua falta, mas eu consigo compreender seu sentimento. — Ela fez uma pausa e abaixou o olhar envergonhada: — Eu fiquei furiosa com meu pai quando ele disse que eu devia me casar com seu irmão. É como se não tivéssemos vontade própria. Eu te entendo. — Seu olhar desviou-se pela janela e em seguida voltou a encarar a ruiva: — Mas hoje eu vejo como ele estava certo. Não haveria um homem melhor para que eu me casasse. — Confessou para a cunhada.

Por um momento temeu que ela não compreendesse suas palavras, o silêncio tornou aquilo ainda mais torturante. A morena então apertou a mão entre as dela de forma acolhedora e sorriu docemente: — Tenho certeza que vamos ser mais que boas amigas. Irmãs. Precisamos apenas de mais tempo juntas. E fico muito feliz que pense assim e mais tranquila. — Disse sorridente. Aquele momento foi interrompido pela presença da serva com o chá fumegante, mas que espalhava um perfume mentolado pelo quarto. Aisha foi a primeira a ser servida, Lyessa em seguida, que agradeceu a serva com um sorriso nos lábios, com cuidado bebericou o líquido quente que aqueceu seu corpo. Pensou sobre a pergunta dele e soltou um suspiro longo: — Seu irmão não comenta muito sobre ele. Até onde eu sei parece estar tudo bem sim, mas Vossa Graça reluta em tocar no assunto. — Disse um pouco desanimada. Esse era um assunto que definitivamente o marido não gostava de tocar.

Lyessa voltou a se encostar na cama, já estava cansada de não poder se levantar, mas era bom ter Aisha por perto, ter alguém para conversar: — Sim, bem jovens. Faz pouco tempo que comemoramos o décimo sexto dia do meu nome. — Disse um pouco mais pensativa: — Minha mãe diz que se casou ainda mais jovem. Ela conversou muito comigo sobre os deveres de uma esposa, sobre o que acontece entre um homem e uma mulher, mas... — A rainha pausou a fala não sabia o que dizer, na verdade não sabia como se abrir e tinha necessidade de dividir com alguém tudo aquilo que lhe angustiava: — Por alguma razão, que eu não consigo explicar, eu ainda vejo seu irmão, mais como Rei, do que como meu marido. Eu me sinto tão confusa e angustiada Aisha. Eu quero tanto ser uma esposa maravilhosa para ele. — Segredou a morena, com a voz tensa e angustiada.



with: @Aisha Karstark in: Winterfell
All my agony fades away When  you hold me in your embrace




Lady Stark
.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada] Sweet ladies

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum